O ano começa em dose dupla!

Olá, povo!

Como foram as festas de fim ano? Quais são suas expectativas para 2021? Desejo a todos que esse seja um ano de muita luz, saúde e prosperidade!

Vou começar 2021 em dose dupla, indicando logo dois filmes para vcs! Pra gente já começar esse ano com o pé direito, com muito entretenimento!

Um dos filmes é bem pesado, mas o conhecimento da informação nele contida é extremamente necessária! E muito mais necessária é a mobilização da maior quantidade possível de pessoas cobrando medidas para barrar o quão nocivas podem ser as consequências do que podem causar seus efeitos. Estou falando do “Dilema das Redes”, filme disponível na Netflix, e que nos mostra como foram criados e como são usados os algoritmos das redes sociais que todos utilizamos.

Que nossos dados são armazenados na internet, que esses dados são manipulados (e nós consequentemente também somos), que as informações que nos são direcionadas são pensadas e filtradas, isso todos nós já sabíamos, o problema é como isso é feito e a profundidade de como isso é feito! É muito bizarro e muito perigoso! E o pior, não existe, ainda, nenhum mecanismo de proteção para os dados, nenhum mecanismo de punição para o uso indiscriminado desses dados e dessa manipulação, mas é possível que haja essa proteção e essa punição, e quanto antes isso aconteça, melhor…. Enfim, assistam! Pensem a respeito. É um assunto muito sério e de interesse de todos nós.

O outro filme é arte! É música! E resgate histórico! É inclusão social! É cultura! É desses filmes que a gente assiste e que quer ver de novo!

A protagonista, Ma Rainey, é, nada mais, nada menos que Viola Davis! Assinam a produção: Denzel Washington, Tood Black e Dany Wolf, e a Direção é de George C. Wolf. Estou falando de “A Voz Suprema do Blues”, que está disponível na Netflix! O filme conta uma passagem da história da “mãe do blues”.

Foi o último filme que Chardwick Boseman (Pantera Negra)gravou antes de se despedir de nós! Ele dá um show de interpretação dando vida a Leeve, um trompetista virtuoso e destemperado!

Apesar de ser baseado em figuras reais, o filme não é exatamente biográfico. Tem diálogos fortíssimos e lindamente executados! E se torna ainda mais marcante pela interpretação de seu elenco, que é excepcional.

É isso, povo! Espero que vocês gostem tanto quanto eu dos dois filmes!

Forte abraço em todos e até o mês que vem!

Janaina Alencar.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s